Pular para o conteúdo principal

Nasce bebê geneticamente programado para não ter câncer


Médicos do University College de Londres anunciaram o nascimento de uma menina selecionada geneticamente para não carregar uma versão alterada do gene BRCA1, a qual pode acarretar um risco de até 80% de desenvolver câncer de mama ou de ovário. A informação é da rede americana CNN. O diagnóstico ocorreu após um processo de fertilização in vitro: embriões gerados em laboratório pelos pais da menina foram selecionados, sendo escolhido para implantação no útero apenas o que não carregava a versão "maligna" do gene.
O governo britânico autoriza desde 2006 esse tipo de teste. Os pais da menina decidiram fazer a seleção de embriões porque, nas últimas três gerações da família do marido, havia ocorrido o diagnóstico de câncer de mama em mulheres na casa dos 20 anos.



Em entrevista à rede britânica BBC, o especialista em fertilidade Paul Serhal, que acompanhou a seleção dos embriões e a gravidez, afirmou que o grande legado do nascimento "é a erradicação da transmissão dessa forma de câncer, a qual fez essa família sofrer por gerações". Como o diagnóstico da alteração genética é feito em embriões com apenas oito células, os especialistas também argumentam que ele evita a realização de abortos, caso a anomalia fosse detectada mais tarde ao longo da gestação.



No entanto, críticos do procedimento apontam que o gene alterado envolve apenas uma probabilidade do aparecimento da doença, não uma certeza, e sua presença não sugere que o problema será incurável. Também criticam o tratamento de embriões humanos como material descartável e afirmam que, no longo prazo, a popularização desse tipo de técnica pode levar à criação de "bebês por encomenda", apenas com as características genéticas desejadas pelos pais.

Se isso
 acontecer mesmo, porém, não deve ser algo para já. O custo do procedimento hoje ultrapassa os US$ 10 mil

http://www.embriologiahumana.com.br/viewforum.php?f=33&sid=ed923d4260c2517919eceef103e3a05a

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gestação consciente - Eleanor Luzes

Caros alunos da Embriologia!

Gostaria de divulgar a vocês, principalmente ao pessoal da Psicologia o link abaixo. O texto em pdf pode ser baixado. Trata-se de um dos capítulos da tese de doutorado de Eleanor Madruga Luzes.  Capítulo II - Gestação consciente. (http://media.wix.com/ugd/e5bd94_feb92b33bf4df4c2438aa7d0ca48ca74.pdf) Eleanor é médica, psiquiatra, analista junguiana há 31 anos, trabalhou durante três anos em obstetrícia, foi professora primária.Tem mestrado em Psicologia, na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e é doutora pelo Instituto de Psicologia da mesma universidade, com a tese de doutorado sobre a “Necessidade do Ensino da Ciência do Início da Vida” nas escolas do segundo e terceiro graus. Sua história e o restante da tese estão disponíveis no site abaixo. /http://www.cienciadoiniciodavida.org/

O Renascimento do Parto 2 - PROMOCIONAL com parto pélvico - 2016

As primeiras palavras são fortes e esclarecedoras. As cenas falam por si! Lindíssimo!!! Emocionante!

Cenas de parto!



Fisiologia Respiratória

Leiam e tentem entender as diferenças entre os volumes nas diversas situações demonstradas. Abraços e até semana que vem!

Volumes pulmonares
Sérgio Menna Barreto